18.8 C
Goiânia
InícioDestaqueCursos online impulsionam trabalhador no mercado do agronegócio

Cursos online impulsionam trabalhador no mercado do agronegócio

Setor é destaque na geração de empregos; Senar Goiás oferece cursos online e gratuitos

Em 2022, segundo dados do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, a partir de informações da PNAD-Contínua e de dados da RAIS, no Brasil 99,27 milhões de pessoas estavam ocupadas no terceiro trimestre. Desses, a participação do agronegócio no mercado de trabalho brasileiro foi de 20,33% de julho a setembro de 2022, chegando a 19,07 milhões de pessoas empregadas no período.

Os pesquisadores indicaram que esse crescimento no número de trabalhadores no setor, está ligado aos desempenhos observados nos segmentos da agroindústria e de agrosserviços, que não só recuperaram as ocupações perdidas em decorrência dos desdobramentos da pandemia de covid-19, como já superam os contingentes observados antes da crise sanitária.

Empregos Agro em Goiás

Goiás teve o quarto melhor resultado entre os Estados brasileiros, gerando 10.061 postos formais de trabalho no agronegócio de janeiro a outubro de 2022. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Previdência, em último levantamento, foram 67.867 admissões contra 57.806 desligamentos no período. O Estado goiano só ficou atrás apenas de São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso.

A principal contribuição para o saldo positivo no número de empregos criados foi na produção de lavouras temporárias com 6.108 vagas. O segmento inclui os cultivos de soja, cana-de-açúcar e outras plantas, como alho e tomate rasteiro. Atividades de Apoio à agricultura e à pecuária tiveram 2.411 vagas; Pecuária registrou 1.485 vagas e Horticultura e Floricultura (742 vagas) completaram o resultado.

Números expressivos que seguem em crescimento, puxados pela agricultura, principal categoria do agronegócio goiano. “O que tem crescido bastante são as áreas de plantio para agricultura, a área de operação de máquinas, seja trator, colheitadeiras, essas áreas são bastante demandadas e com bons salários, principalmente em grandes regiões agrícolas, no sudoeste e agora em formação o Vale do Araguaia. Também sempre há demanda na pecuária de leite e na pecuária de corte, na manutenção de inseminação, ordenhas e etc”, explica Dirceu Borges, superintendente Senar Goiás.

Capacitação

Se colocar no mercado de trabalho dentro do agronegócio, não é tarefa difícil, já que sempre há vagas disponíveis, mas para preenchê-las, é necessário capacitação, que inclusive pode ser gratuita. O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar Goiás), conta com mais de 50 cursos online para as diversas áreas, com destaque para agro, abrangendo também para profissões. Todos têm certificado, são gratuitos e tem curta duração.

“As vantagens de fazer os cursos gratuitos do Senar Goiás, é o custo zero, com cursos de qualidade, são certificados, reconhecidos no âmbito nacional, inclusive no Ministério do Trabalho, qualquer outra empresa que for aceita. São ministrados por instrutores qualificados e atualizados para o mercado. Uma vez que o produtor rural já contribui com o Senar, nós revertemos essa contribuição nessas qualificações, seja cursos curtos de Qualificação Profissional Rural ou até mesmo cursos técnicos de longa duração”, afirma o superintendente do Senar Goiás.

Para os cursos online de curta duração, basta se inscrever em https://ead.senargo.org.br/cursos/. Já para os cursos técnicos, com duração de 2 anos ou mais, acesse http://etec.senar.org.br/processo-seletivo/.

Quem tiver interesse nos cursos presenciais, basta procurar os Sindicatos Rurais presentes nos municípios goianos e checar a disponibilidade de turma. No portal https://sistemafaeg.com.br/ dá para buscar todos os sindicatos do estado e os telefones.

Janaina Honorato
Janaina Honorato
Jornalista especialista em agronegócio com formação em marketing digital. Experiência de 9 anos com comunicação para o agronegócio em reportagens de TV, rádio, impresso e internet.
Nossas Redes Sociais
11,345FãsCurtir
23,198SeguidoresSeguir
Últimas
Postagens Relacionadas