29.8 C
Goiânia
InícioNotíciasAgronegócioCNA debate Compromisso Global pelo Metano

CNA debate Compromisso Global pelo Metano

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) promoveu uma reunião conjunta para tratar do Compromisso Global pelo Metano, na segunda (21).

O encontro contou com a participação dos presidentes das Comissões Nacionais de Meio Ambiente, Muni Lourenço; de Cereais, Fibras e Oleaginosas, Ricardo Arioli; e de Pecuária de Leite, Ronei Volpi; além do vice-presidente da Comissão Nacional de Bovinocultura de Corte, Francisco Pugliese de Castro.

Os vice-presidentes da CNA, José Zeferino Pedrozo e Júlio Rocha; o diretor técnico da CNA, Bruno Lucchi; e o presidente da Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco (Faepe), Pio Guerra, também acompanharam a discussão.

Bruno Lucchi destacou que o objetivo da reunião foi discutir o acordo – que prevê a redução das emissões globais de metano em 30% até 2030 – e entender como o Sistema CNA/Senar poderá auxiliar o Governo Federal na elaboração das propostas brasileiras.

“A ideia é entender o motivo do compromisso e como poderemos transformá-lo em uma grande oportunidade para o agro brasileiro, tanto na agricultura quanto na pecuária”, afirmou.

Na opinião de Muni Lourenço, é importante o alinhamento de informações e posicionamentos do setor em relação ao documento, que traz impactos diretos na atividade agropecuária.

Segundo ele, a CNA vem acompanhando os debates sobre o tema e teve participação ativa na Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP-26), quando o acordo foi assinado. Apesar disso, pondera Lourenço, existem muitas dúvidas e é preciso ter clareza em relação aos detalhes e ao alcance do compromisso.

“Enxergamos como uma oportunidade de aumento de eficiência na pecuária brasileira, mas sabemos dos desafios que existem, principalmente a massificação da transferência de tecnologias e de assistência técnica e gerencial. É muito importante discutirmos como será a metodologia e a quantificação do que o agro já vem contribuindo”, disse.

A reunião foi moderada pelo coordenador de Sustentabilidade da CNA, Nelson Ananias. A programação também incluiu uma apresentação sobre as implicações do Compromisso Global sobre o Metano para a agropecuária brasileira, com o assessor especial de Assuntos Estratégicos do Ministério da Agricultura, Fernando Zelner.

A pesquisadora da Embrapa Pecuária Sudeste, Patrícia Anchão Oliveira, falou sobre alternativas técnicas para a redução da emissão de metano. Na última parte do encontro, os participantes debateram possíveis ações e propostas do setor para atuar no Grupo de Trabalho de Mudanças Climáticas.

Janaina Honorato
Janaina Honorato
Jornalista especialista em agronegócio com formação em marketing digital. Experiência de 9 anos com comunicação para o agronegócio em reportagens de TV, rádio, impresso e internet.
Nossas Redes Sociais
11,345FãsCurtir
23,198SeguidoresSeguir
Últimas
Postagens Relacionadas